Páginas

sábado, 5 de novembro de 2011

Organizador




MATERIAL




- 1 m de tecido de algodão liso branco

- 1 m de tecido para ponto cruz (etamine)

- 3,5 m de viés azul

- Linha de bordado da mesma cor do viés

- Tesoura


MONTAGEM:




1. Recorte um retângulo de 45 x 60 cm no algodão branco e no tecido de ponto cruz.



2. Agora recorte, no tecido de ponto cruz, duas tiras de 45 x 10 cm e uma tira de 45 x 15 cm.



3. Faça o arremate com o viés em uma das extremidades maiores (a que vai ficar para cima) das três tiras.



4. Pegue o retângulo de tecido para ponto cruz e comece a costurar as tiras, da seguinte forma:



- Pegue a tira maior, posicione no final do retângulo grande, deixando a parte arrematada para cima, e prenda com alfinetes.

- Agora posicione as duas tiras menores de maneira que fiquem ligeiramente dentro da tira anterior. Prenda tudo com alfinetes.



5. Agora costure cada uma das tiras, começando pela primeira tira estreita de cima. Faça uma costura reta para evitar que escorregue e passe o ponto cheio, com a linha de bordado azul, em toda a extremidade de baixo.



6. Repita o mesmo processo com a próxima tira menor.



7. Para prender a tira maior e já arrematar as laterais que ficaram abertas, passe um ziguezague nas voltas.



8. Agora divida as tiras em três partes iguais e passe o ponto cheio na vertical, para fazer as divisões.



9. Se tiver habilidade, faça a decoração superior com ponto cruz. Senão, você pode bordar ou fazer alguma aplicação.



10. Coloque o tecido branco na parte de trás, deixando os direitos dos dois tecidos para fora.



11. Passe um chuleado ou ponto tipo overloque em toda a volta do retângulo maior.



12. Aplique o viés em toda a volta do organizador.



13. Por último, faça quatro alças de viés e costure na parte superior, deixando a mesma distância entre cada uma delas.





Fonte: Ateliê Singer

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Viu,gostou, deixe um comentário.

Quem sou eu

Minha foto
Camaçari, Bahia, Brazil
"Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes, mas não esqueço de que minha vida é a maior empresa do mundo. E que posso evitar que ela vá à falência. Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise. Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história. É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma. É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida. Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos. É saber falar de si mesmo. É ter coragem para ouvir um não. É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta." Augusto Cury